Para que serve arginina

A arginina é um aminoácido essencial para o corpo humano (ou seja, não pode ser produzido pelo organismo) e é considerada um dos principais componentes proteicos no couro cabeludo e cabelo já que representa quase 9% de todos os aminoácidos da fibra capilar do corpo humano. A arginina também é conhecida por ser um suplemento alimentar recomendado para auxiliar o sistema imunitário, melhorar a cicatrização, proteger o organismo de problemas cardiovasculares e do cansaço mental.

Mas… para que serve a arginina:

A arginina serve para o tratamento de cabelos fracos e quebradiços porque como esse aminoácido penetra na fibra capilar, ele estimula a microcirculação do couro cabeludo. Isso acarreta a troca constante de nutrientes entre a raiz e os fios de cabelo proporcionando mais brilho, força e reduz a queda do cabelo.

Igualmente a arginina serve para melhorar o desempenho de atividades físicas uma vez que ela é fonte de energia para a contração muscular e por isso utilizada por muitos atletas que desejam melhores condições musculares. No entanto não deve ser consumida por atletas profissionais, já que a ingestão de arginina é considerado doping visto que a arginina ao estimular a liberação do hormônio do crescimento (GH) atua diretamente no aumento da massa muscular corporal e consequente ganho de força muscular do atleta.

arginina

Arginina

Benefícios do uso da arginina:

Devido a que a arginina atua como uma fonte de nutrientes para os cabelos, um dos seus benefícios mais relevantes é que ela evita a queda dos fios.

Por ser um aminoácido essencial, a arginina deve ser ingerida para suprir as necessidades do corpo. As fontes naturais para ingestão dessa proteína são o arroz integral, avelãs, castanhas, pipocas, trigo integral e uva-passa. No Brasil, a arginina pode ser encontrada também a venda em forma de cápsulas em loja de produtos naturais ou farmácias (geralmente é comercializada com o nome Reforgan).

Contraindicações do uso da arginina:

Entre os efeitos colaterais do consumo da arginina como suplemento alimentar estão a hipertensão arterial, fraqueza muscular, neuropatia periférica, diabetes melito, doenças cardiovasculares e o aumento do osso fácil.  Também é possível observar sintomas de dor de cabeça, náusea, vómito, cólica, dor de estômago e perda de sensibilidade na pele.

A arginina é contraindicada para casos específicos de pacientes hipersensíveis a qualquer composto presente na sua fórmula, sempre e quando consumida via oral por cápsulas ou comprimidos.

Para evitar os casos de contraindicações, acima citados, é aconselhável a consulta e recomendação médica antes de dar início a suplementação alimentar com a arginina.

Pergunte ao seu médico.

Escribe un comentario en Para que serve arginina

  1. Gostaria de saber se o uso do reforgan arginina causa quedas de cabelos?